Teorema matemático criado e provado de propósito para episódio do Futurama

Acabo de saber pelo Neatorama.com que o produtor do Futurama, David X. Cohen, pediu a um membro do staff com doutoramento em matemática, de nome Ken Keeler, para criar e provar um teorema de propósito para o décimo episódio da próxima temporada da série...


A Featured Post Title

Compro tempo livre


Enquanto estive desempregado, queixava-me por ter demasiado tempo livre e pouca coisa para fazer. A maior parte do meu tempo era ocupado com navegações online ou caminhadas que fazia pelas matas das redondezas. Televisão, via pouco e cingia-me praticamente só a RTP2.

Há perto de uma semana, a minha vida profissional mudou e finalmente arranjei novo trabalho. Agora, tenho tempo livre a menos. Saio de casa às 8.30 e só chego às 20.30. São 12 horas fora, 10 das quais a trabalhar, uma para o almoço e outra repartida entre as viagens de ida e volta. Soma-se a isto uma hora, porque acordo sempre às 7.30.

Se antes stressava por ter demasiado tempo e por isso acabava por não fazer nada (acontece-me sempre isto quando tenho tempo livre a mais), agora falta-me tempo para quase tudo. A vida a isso obriga, e se a quero orientar tenho que fazer por ela. Mas bem que me sabia ter mais uma hora por dia para mim. Em 24h, só fico com 4h para as minhas coisas, o que não é o ideal.


16 Responses to “Compro tempo livre”


  1. Bruno, como te compreendo. Acordo as 7.15, saio de casa as 7.45. Entro em casa às 20.15. Horas em transportes...não há tempo para nada...


  2. Tambem andei stressado e deprimido no Inverno "por causa disso".
    Mudei-me para o US e, enquanto em Portugal nao tinha horarios de trabalho, aqui levantava-me as 5h30 da matina, ia para o ginasio e chegava ao trabalho as 7h30, onde ficava ate entre as 17h30 e as 19h30...

    Mesmo nos POUCOS dias em que saia as 17h30, ja estava de noite pelo que chegava na escuridao e saia com escuridao! Isso da cabo de 1 gajo...comecamos a ficar deprimidos e a questionar "qual e o point de andar aqui" :o\

    Por isso, lamento mas as previsoes nao sao animadoras, vai ser pior no inverno!

    Hugz,
    Luis


  3. Ah...e o pior de tudo? Esta depressao por falta de tempo e pela escuridao teve efeitos realmente maus na minha dieta!

    Tinha perdido 50 kilos no ultimo ano e, como me comecei a refugiar nos fins de semana (a comer este mundo e o outro durante o fim de semana) ja engordei 25 kilos! Tou fodido...

    Life sux!


  4. Dora, o que me ainda safa é só demorar 30 minutos a chegar ao trabalho. Ao menos não perco muito tempo em transportes.

    Luis, acredito que vá ser pior no Inverno. Mas ao menos o ambiente lá é porreiro e o trabalho nem é muito stressante, senão estava bem fodido. :\
    Espero que essa depressão já tenha passado e que não volte.


  5. Eu moro quase a 100km do meu :-)


  6. 100Kms? Não tenho inveja nenhuma de ti. Ao menos tens a sorte de ir de carro?


  7. Tenho sorte é de não ir de carro. Não ganhava para o carro, desgaste e não tinha onde o estacionar. Não há estacionamentos em Picoas.


  8. Bem-vindo ao mundo de quem faz alguma coisa da vida!


  9. Picoas? Boa zona ;) Curtia ir lá quando estive em Lisboa.

    Pois, em Lisboa, de carro e a viveres a 100Kms de distância, tinhas que ter 2 empregos em full-time para pagares o combustível. :|


  10. Obrigado, Sofia. É sempre bom receber um comentário ligeiramente rude teu. <3


  11. Bem vindo ao mundo do trabalho. Más horas, pouco dinheiro e pouco tempo livre.
    Mas vê as coisas pela positiva: daqui a uns quarenta e tal anos talvez te possas reformar e receber ainda menos.


  12. Diogo, já conheço este mundo há uns anos. Tem sido é uma viagem complicada. :\ E na reforma, como dizes, é bem provável que venha a ser ainda pior. :(


  13. Bem-vindo ao mundo de quem faz alguma coisa da vida! <--- esta senhora merece umas belas palmas lolol

    Bem vindo ao mundo real bruno!!! :D foi bom nao foi meu cabr.. agora trabalha!!! eu bem queria ter tido umas férias dessas :X nunca usufrui do fundo do desemprego lol


  14. Nem eu usufrui, Rúben. Sempre que estive desempregado, estive sem receber um cêntimo.


  15. Fodasse, voces sao uns animais do caralho...
    Pelo que vejo nos posts do Bruno nao havia falta de vontade em trabalhar...
    Se querem mandar bocas mandem aos fdps que nao querem trabalhar mesmo.

    Alem do mais, nao quero ser injusto mas...esse comentario nao e da Sofia do PG pois nao? E que, se for, para quem comecou a trabalhar ha pouco tem muita ma lingua...(e provavel que nao seja, nem vi o link).

    Mas adiante...
    Eram apenas depressoes passageiras, pensamentos tristes que me passavam pela cabeca naquela altura, no caminho de casa para o trabalho e na volta.

    O prob foi que me refugiei, mais uma vez, na comida :o)
    Ainda ha dias dei por mim a pensar, a coisa que mais queria na vida nao era saude, nem trabalho, nem dinheiro, nem uma boa familia. Ja estou muito feliz com o que tenho! (embora nunca saiba o dia de amanha...)

    Quanto a tempo de viagem, estou bastante bem! 15 minutos para cada lado, com umas montanhas lindas a mirarem-me ;o)

    Fodido foi trabalhar em Lisboa! Uma hora de transito para cada lado! Pqp!
    Estive 2 meses na capital e despedi-me logo heheheh ;o)

    Hugz,
    Luis
    Mas o que queria mesmo era comer tudo o que quisesse, sem ganhar peso, sem me dareM caganeiras (heheh), sem me preocupar com saude, nem nada! eu AMO comer ;o)


  16. Acho que é. O nick aponta para o blog dela. E só ela é que me dá tanta vontade de responder às pequenas provocações que eu adoro. *.* LOL

    A comidinha sabem bem e faz o nosso cérebro produzir uma substância qualquer que nos dá a sensação de prazer. Eu percebo a tua luta. ;)

Post a Comment