Teorema matemático criado e provado de propósito para episódio do Futurama

Acabo de saber pelo Neatorama.com que o produtor do Futurama, David X. Cohen, pediu a um membro do staff com doutoramento em matemática, de nome Ken Keeler, para criar e provar um teorema de propósito para o décimo episódio da próxima temporada da série...


A Featured Post Title

Mails de treta


Quando estou a conduzir ou tomar banho, tenho o hábito de pensar na vida e fazer uma série de reflexões sobre o que me aconteceu e o que não aconteceu por algum motivo. Se no banho não trago perigo nenhum para o mundo, a conduzir também não - eu conduzo brilhantemente e só eu é que sei conduzir bem.

O que mais me tem "atormentado" a vida nestes dias, e que me tem ocupado parte da mente no caminho entre casa e o trabalho, é um mail que recebi. À primeira vista, é apenas mais um mail de merda: daqueles a pedir ajuda para alguém que muito provavelmente já teve uma série de nomes e problemas ao longo de vários anos, e que as pessoas que os reenviam para todos os seus contactos, ainda por cima sem colocar os endereços de email dos destinatários no campo bcc, parecem nunca reconhecer.

Até aqui, nada de muito mal. Eu detesto receber este tipo de emails, mas não me custa nada apagá-los e fazer de conta que não os recebi quando me são enviados de forma muito esporádica por alguém. Quando começa a ser frequente, faço questão de enviar um mail à pessoa a explicar porque deve colocar os endereços dos destinatários no campo bcc e isso é suficiente para parar de os enviar para mim. É incrível como o conhecimento assusta algumas pessoas...

O problema começa a tornar-se incómodo quando este mail é enviado por alguém que devia saber muito bem que eu não curto mesmo nada receber merda desta na minha caixa de correio. Pior, quando é alguém que nunca mais me disse nada e me tirou para fora da sua vida de uma forma bastante egoísta, e agora manda-me lixo deste.

Quando recebi o mail, a minha primeira reacção foi responder de uma forma um pouco desagradável. Cortou todo o contacto comigo e agora manda-me isto?! Deu vontade, acreditem. Mas preferi fazer aquilo que estou sempre a dizer aos meus colegas para fazerem com os clientes: nunca entrar em conflito directo. E assim o fiz. Não disse nada e no dia seguinte já não me lembrava que tinha acontecido, tal como não me lembrava que da pessoa até ela me ter enviado o mail.


8 Responses to “Mails de treta”


  1. Ó Bruno, entao amigo? Isso tá mesmo a pedir um filtro de email! :)
    A quantidade de filtros que já tenho! :)


  2. Eu consegui evitar ter muitos filtros ao fazer aquilo que disse no texto, explicar porque se devem colocar os endereços de email no campo bcc neste tipo de correspondência de treta. ;)


  3. Há uns tempos tive uma crush por um gajo. A coisa depois passou mas nunca ficou bem resolvida; pelo menos para mim.
    O gajo mandava-me mails, que por acaso eram porno e eu pensava que o gajo me estava a provocar. Passados uns tempos cheia à conclusão que eram mandados para a lista de gajas "especiais" para quem ele manda porno.
    FAIL!


  4. Antes tivesse sido um mail porno. Foi mesmo daqueles da treta. :\


  5. Porquê? Tu não ligas a esses...


  6. Ligo, ligo ;)


  7. E essa de conduzires bem... Pá, acho que vou discordar. :P Sim, cheguei vivo à estação, e a tempo do comboio (que se atrasou MUITO)... Pronto, 'tá bem, conduzes bem. Mas cuidado, pá. :P


  8. Então, Manuel? Tu presenciaste, tu sabes que conduzo bem. :P Claro que esse dia foi uma excepção, porque estavas atrasado. Normalmente, ate conduzo nas calmas.

Post a Comment