Teorema matemático criado e provado de propósito para episódio do Futurama

Acabo de saber pelo Neatorama.com que o produtor do Futurama, David X. Cohen, pediu a um membro do staff com doutoramento em matemática, de nome Ken Keeler, para criar e provar um teorema de propósito para o décimo episódio da próxima temporada da série...


A Featured Post Title

ONU demora 15 anos a reconhecer acesso à água potável como direito universal


Eu pensava que o acesso à água potável era um direito consagrado[1], tal como o é o direito à vida, à liberdade e à segurança, o direito à nacionalidade, o direito à propriedade, etc. Caramba, na Finlândia o acesso à banda larga passou a ser considerado um direito universal. Parecia-me elementar.

Afinal, parece que não. O acesso à água de qualidade e a instalações sanitárias enquanto direito universal está a ser discutido há nada mais nada menos que 15 anos. Este tempo todo debater para algo que me parece básico. Se calhar foi por causa da colocação dos canos que isto demorou tanto tempo...

Bem, ao menos o acesso à água potável já é um direito consagrado. Que não demorem 15 anos a começar a pôr em prática isto, por não conseguirem chegar a um consenso em relação à cor dos canos.

via Patrícia Neves e Expresso

[1] carta dos direitos do homem: http://www.gddc.pt/direitos-humanos/textos-internacionais-dh/tidhuniversais/cidh-dudh.html


2 Responses to “ONU demora 15 anos a reconhecer acesso à água potável como direito universal”


  1. Já o era, mesmo que implicitamente: "Artigo 25.º - 1. Toda a pessoa tem direito a um nível de vida suficiente para lhe assegurar e à sua família a saúde e o bem-estar, principalmente quanto à ***alimentação*** (...)"


  2. Tu, então porquê 15 anos para ser explicitamente?

Post a Comment